Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Tower of Writing

you will never guess her secret...

Tower of Writing

you will never guess her secret...

Capítulo 19 - "Crazy Stupid Love"

 Capítulo 19 - "Crazy Stupid Love"

 

- Shut up, Ethan! - Ordenou Ashley exaltada, acabando por concluir: - É irrelevante.

- Como tens coragem de aparecer aqui depois do que fizeste à minha irmã?

Ethan estava violento. - O que fiz eu à tua irmã?

- Não brinques comigo.

- Eu amei-a. Foi uma boa experiência, mas eu não sup... - Foi interrompido.

- Experiência? - Questionaram as duas ao mesmo tempo.

Mas Andie não acreditara no que ouvia - Tu não respeitas uma mulher, é por isso que nunca terás uma. Kelly deu-te tudo o que tinha e tu mudas-te de ideias. Foi bom para o teu ego? - Ethan e Andie começaram a discutir bastante alto, admirando os amigos. Era a primeira vez que se confrontavam após o rapaz ter terminado a relação. Na verdade, ninguém esperava que Ethan aparecesse. Muito menos para falar só com a loira. Muito menos no aniversário de Zac. Muito menos a meio da ronda dos R's. - Tu não a amas porque tu não destróis a pessoa que amas!

O resto dos amigos permaneciam quietos no sofá. Kelly foi a única a aproximar-se. O moreno dirigiu-se para Ashley, apontando o dedo. - Tiraste-me todo o meu dinheiro e achas isso irrelevante?

- Ethan... - Disse Kelly receosa.

Andie ficou surpresa e só bastou dar-lhe um conselho. - Ei, volta para o pé dos rapazes.

- Essa cabra a quem tu dás teto, deve-me a sua vida e mesmo assim ligou ao meu pai para me bloquear as contas bancárias! - A admiração era absoluta. - Como queres que viva agora? Eu estudo!

- Oh, my dear rich boy, faz-te à vida. Foste despedido. Desenrasca-te. - Comentou Ashley deixando o moreno furioso, depois aproximou-me e proferiu baixinho: - You disgust me.

- Vives rodeada de aparências, é isso que queres?

- Sai. - Ordenou.

- Esta não é a tua casa. 

- Mas é a minha. - Foi a voz de Robert que sobressaiu. - Get the fuck out of here.

 

***

Robert saiu para levar Kelly até casa, estava desolada. A festa foi um total fracasso. Mais tarde, Ashley explicou que não concordava com as atitudes de Ethan e, portanto, contactou o seu pai, informando-o de tudo. O resultado foi mesmo o bloqueio das contas bancárias.

Ashley vs Ryan.

- Qual foi a primeira impressão que tiveste de mim?

- Loira mimada. - Todos se riram.

- Qual é a capital da Somália?

- Não faço a mais pálida ideia.

- Pronto, algo mais fácil. Capital da... da Venezuela?

- Easy! Caracas!

- Alguma vez de apaixonas-te... verdadeiramente?

- Sim. - Cameron ficou pensativo.

- Queres partilhar esses pensamentos? 

- Eu gostava mesmo dela. - Fez uma pausa e respirou fundo. - A partir do momento que te apaixonas por alguém, eu não sei se... Eu não sei se algumas vez irás esquece-lo.

O tempo terminou. Ryan levantou-se, caminhando para a cozinha, dando a típica desculpa que tinha sede. Apercebeu-se da presença de mais alguém. - Sim, Andie?

- Foi bastante bonito, sabes?

- Crazy stupid love.

A rapariga aproximou-se e notou alguma tristeza. - Sempre soube que havia uma faceta romântica debaixo desses dotes sedutivos.

Ryan riu-se. - Dotes sedutivos? Onde é que ouviste isso?

- Bom, no outro dia quando foste à Academia, houve uma rapariga que reparou em ti. Perguntou-me onde é que eu fui desencantar, e passo a citar, um Deus grego.

Ambos riram durante algum tempo, até que Andie regressou à sala, deixando Ryan mergulhado em pensamentos e acontecimentos amorosos.

 

***

- Como está a tua mãe? - Perguntou Robert.

- Sente saudades da Andie, mas está bem. Preocupa-te antes com o meu pai, a sério - Inverteu a marcha brutamente colocando outra mudança, dirigindo-se para outra rua. - Que se passa? -  Passou os 120 km/h. - Para onde vamos?

- Estamos a ser seguidos.

- Por quem?

- Adivinha. - Pediu Robert. A rapariga abanou a cabeça sem parar de olhar ao retrovisor - Os meus melhores amigos. Paparazzi- Após várias voltas conseguiram finalmente despista-los e voltaram à rota de casa.

- Porque é que eles fazem isso? Eles não têm autorização!

- É o seu trabalho. Se conseguirem boas fotografias terão um crédito enorme, protagonismo numa boa magazine... 

- Alguma vez aconteceu com a minha irmã?

- Sim. - Suspirou. - Ela detestou. 

Kelly permaneceu calada. - Que se passa com a Claire?

- Quem me dera saber.

- É que parece-me que está a tentar separar-te da minha irmã.

O rapaz assentiu. Parou o carro nas traseiras. - Chegámos.

- Eu sou tão tola, sabes?

- Crazy stupid love.

- Eu ainda hoje achei que... - Fez uma pausa e baixou a cabeça desolada - Achei que ele ia voltar para mim, mas não. Fui apenas uma... experiência. - Pattinson não sabia o que dizer. Saiu do carro e já do outro lado, abriu a porta a Kelly e esta saiu. Abraçou-a, ela não conteve as lágrimas, depois afastou-se. 

- Lamento imenso - Disse ainda com lágrimas no canto dos olhos. - Nunca quis separar-te dela. - Remeteu para todas as conversas desagradáveis. 

- Eu sei, Kelly - Voltou a aproximar-se da cunhada e colocou as mãos nos seus ombros. - O Ethan é um cretino. Tu és uma pessoa fantástica e dedicada. Tu não o perdes-te, pelo contrário... - Abraçou-a de novo. - Ele é que te perdeu.

As palavras de Robert ecoaram na cabeça da rapariga. Tinha razão. - Obrigada. 

Despediram-se e Kelly entrou em casa. O britânico sentiu-se observado. Entrou no seu Volvo, olhou à volta. Devia ter calculado. Era o pai das raparigas. Trocaram olhares culminantes. Robert ligou o carro e a grande velocidade foi-se embora. 

 

 

Aqui está a continuação. Sei que a distancia entre capítulos é alguma, mas não vou lamentar-me por isso. Estou a dar o meu melhor para continuar a publicar.

Só espero que estejam a gostar.

 

um beijinho,

Annie 

12 comentários

Comentar post