Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Tower of Writing

you will never guess her secret...

Tower of Writing

you will never guess her secret...

Capítulo 36 - "To the Future!" {Último}

Capítulo 36 - To the Future!

 

Já era tarde quando Claire viu o envelope. Recostada na cadeira, leu o pequeno bilhete, deixando por Andie.

 

Quero que fiques com todos os meus espetáculos de verão. 

Esforça-te ao máximo. E brilha.

É a tua oportunidade, se souberes aproveitar.

                                 

                                                 Andie

 

O sorriso era inevitável, nunca pensou que a rapariga lhe desse uma nova chance. Yes!, pensou Claire. Era mesmo a sua oportunidade. Não ia tolerar ser outra desilusão.

 

***

- Oh, que fazes aqui?

- Vim ver-te - Respondeu de imediato. Não, não era costume aguardar pela saída de Ryan dos ensaios, mas apeteceu-lhe demonstrar amor. Agarrou o seu braço e caminharam alguns metros. - A árvore já fez o aquecimento? 

- Foi mais passar testemunho ao George, é ele que vai fazer algumas sessões no verão.

- George Clooney?

- Isso querias tu. 

Ambos riram. Pararam frente-a-frente. Ryan continuou a olhar para Kelly, como se fosse pela primeira vez. - Sou um sortudo... tu és linda.

A rapariga sorriu, não sabendo o que responder. Continuava a ficar acanhada com certos elogios. Não, não era receio. Homens elogiam mulheres. Dizem que são lindas. Tal como Ryan profere. A diferença é que a única vez que Kelly ouve, é quando é dito pelo homem que ama.  

- Diz-me se isto é real - Continuou Ryan. 

- Apenas... fecha os olhos. 

Assim fez. Kelly passou as mãos pelo seu rosto e deu-lhe um beijo nos lábios. 

Era cedo para tomar grandes decisões, mas uma coisa é certa: isto pode ser amor. E o amor, como Andie referia inúmeras vezes, é a coisa mais perto que temos de mágico.

Interrompidos por Ashley, que travou brutamente em frente ao teatro, seguindo-se uma buzinadela de ferir os ouvidos, gritou: - Entrem no carro, pombinhos!

Calmamente dirigiram-se ao carro da loira, acabando Ryan por comentar entre dentes: - Tão inconveniente.

Kelly riu e apenas disse, "É a minha melhor amiga."

Entraram e Ashley arrancou de imediato. 

 

*** 

End of the trail

Andie e Robert já se encontravam em Santa Mônica. O tempo estava agradável, como sempre. Havia muita gente também a passear. Naturalmente que olhavam, mas Andie já se estava a habituar. No meio de algumas brincadeiras, num clima sistematicamente romântico, o britânico colocou a mão no bolso, procurando por algo. A rapariga parou, e arregalou os olhos, já corada: - Diz-me que não é O anel - Permaneceu calando, visualizando a sua reacção. - Não Robert, não faças isso. 

Tirou o iPhone e mostrou-lhe. - Ia só ligar ao Ryan - O alívio foi seguido por uns risos constrangedores. Mas o britânico ficou curioso. - Se fosse O anel... o que dirias?

Voltaram a parar. - Robert... Era muito arriscado...

- Mas eu amo-te. E não devo ser condenado por uma coisa que acredito, mesmo que seja arriscado.

Colocou os braços à volta do seu pescoço, olhando-o nos olhos. Depois beijou-o, segredando: - Eu diria sim.

O britânico sorriu-lhe e volta, mas foi Andie que continuou. - Eu arriscava só para passar o resto da minha vida a teu lado. 

- Sabes - disse Robert como se não tivesse ouvido o comentário anterior. - O teu mundo seria muito mais fácil se eu não tivesse aparecido.

Confirmou com a cabeça. Era, sem dúvida, verdade. - Mas não seria o meu mundo, sem ti nele.

Outra certeza tinha. Ia preocupar-se sempre com Robert, estando ou não numa relação, estando ou não, juntos. Os pensamentos foram interrompidos. Zac já estava a ir ao seu encontro. Deixou a trela cair e o cachorro correu até ao casal. Andie correu para ele, não parando de lhe fazer festas. 

Robert guardou de novo o telemóvel e passou a mão no outro bolso, sentido a pequena caixa. A caixa. Com O anel lá dentro. 

 

*** 

🌴☁️☁️☁️☁️🌴

- Acham que posso levar este adorável animal para Portugal? - Questionou Zac, quando todos se encontraram. - É tão pequenino que não consigo deixá-lo no hotel!

- Claro que sim.

- Só tens que comprar aquelas transportadoras para poder ir no avião.

- O Joe também deve aparecer por lá.

- Aposto que convidaram meio mundo! - Exclamou Andie.

- E depois há aquelas pessoas que nem o convite receberam - Troçou o britânico.

- Mas quem é que vai ao certo?

- Bom - começou Zac. - Eu, o Rob e tu.

- O Ryan tem duas semanas de férias. Uma está ocupada com a Kelly... na adorada Irlanda. A outra talvez passe connosco em Portugal. Ele também não conhece.

- Por falar nisso, Andie... como conseguiste tantos dias de férias?

- Não consegui, simplesmente abdiquei dos meus espetáculos. Todos precisamos de brilhar!

Robert olhou-a. Ficou intrigado. Claire? Meu Deus, que atitude bonita. Outra coisa não esperava, vindo de Andie.

- E o Joe aparece porque... - Continuou Zac. Estava confuso, não conseguia arranjar um motivo plausível. - Só porque sim.

- Ainda não compreendi qual a vossa obsessão por esse país - Afirmou Andie, nos últimos tempos, não se falava noutra coisa, sem ser da viagem. - O que tem de especial?

- Boa comida. Ele não pára de mandar-me sms enumerando todos os pratos e sobremesas que quer experimentar.

Após Robert comentar, foi a vez de Zac: - O meu verdadeiro, duradouro e arrebatador, amor.

O riso que soltaram... Foi legítimo. 

Finalmente.

 

 

Sim, este foi o último capítulo, mas calma...

"To the Future!" está ligado ao que vem no próximo post... O Epílogo... preparem-se.

 

um beijinho,

Annie 

8 comentários

Comentar post